sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

FERJ convoca novo arbitral para Séries B1, B2 e C do Campeonato Carioca

A FERJ (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) convocou nesta sexta-feira (23) os clubes para a realização do novo Conselho Arbitral para as Séries B1, B2 e C do Campeonato Carioca de 2018. A entidade já tinha realizado uma reunião no começo de janeiro. O novo encontro acontece na terça-feira (27), para a Segundona e a Terceirona, às 15h, enquanto a Quarta Divisão acontece na quarta (28), às 11h. Em pauta também estarão as competições das categorias de base, do sub-15 ao sub-20, das três divisões.

Neste novo conselho, a formula de disputa dos certames devem ser abordadas. No primeiro encontro, acontecido no dia 17 de janeiro, esteve em pauta o pagamento das dívidas dos clubes com a Federação, referente a débitos dos borderôs da última temporada. O proposto pela FERJ foi que os clubes pagassem até 30% das dívidas antes do começo da competição para terem o nome confirmado na disputa. Os 70% restantes seriam cobrados após os certames se encerrarem.

Além disso, outros temas debatidos de maneira inicial foram as competição de base das três divisões e em especial o sub-17. O Estadual desta categoria aconteceria de maneira subsidiada pela FERJ, que ainda analisa uma forma de viabilizar. Neste cenário, as disputa seriam de forma regional, com o objetivo diminuir os custo.

Fonte: FutRio

sábado, 17 de fevereiro de 2018

Base do Barra Mansa FC retorna parceria com AA São Luiz

No último dia 31 de janeiro, o Barra Mansa Futebol Clube anunciou pela rede social o retorno da parceria com a Associação Atlética São Luiz a fim de dirigir a divisão de base do clube no ano de 2018. Genivaldo será o diretor da base.

Este ano a base do Barra Mansa também terá equipes sub 9 e sub 11. A equipe sub 13 será treinada pelo jovem Paulo Vitor Ramos. O elenco sub 15 será comandado por Carlinhos. E o sub 17 terá como técnico César Loureço (Cezinha).

As equipes sub 13 e sub 14 do Barra Mansa já terão um grande desafio em breve, a partir de 3 de março, uma vez que farão a estreia no Campeonato Metropolitano (Série Ouro) competindo com os principais clubes do estado: Flamengo, Vasco, Fluminense, Botafogo, etc.

Entre os dias 21 e 24 de fevereiro serão realizadas as peneiras para a montagem das equipes sub 9 (2009 e 2010), sub 11 (2007 e 2008), sub 13 (2005 e 2006), sub 15 (2003 e 2004) e sub 17 (2001 e 2002) no Estádio Leão do Sul, na Colônia Santo Antônio.

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Há 64 anos, o Barra Mansa era Campeão Estadual do Rio de Janeiro de Profissionais

Há exatos 64 anos, no dia 14 de fevereiro de 1954, o Barra Mansa Futebol Clube entrava em campo diante do Valenciano para a última rodada do returno do Campeonato Fluminense de 1953. A vitória por 1 a 0 ocorreu no Estádio Nelson Fernandes Pentagna, no centro de Valença, e afastou qualquer chance do vice-líder Royal alcançar o Leão do Sul.

A competição reuniu quatorze equipes regionais que se enfrentaram em formato "todos contra todos" em dois turnos. Em 26 partidas no total, o Barra Mansa comandado pelo técnico Geraldo Maximiano Alves acumulou 17 vitórias, 6 empates e 3 derrotas; marcou 68 gols e sofreu 33.

As vitórias mais importantes, com certeza, foram diante dos rivais Central e Royal na casa dos adversários. No dia 19 de novembro de 1953, o Leão do Sul foi até Barra do Piraí e empreendeu uma sonora goleada de 4 a 0 sobre o Central. Na semana seguinte (6 de dezembro), o Barra Mansa visitou o Royal e venceu por 2 a 1.

A competição marcou também o primeiro encontro profissional entre as duas equipes barra-mansenses Barra Mansa e Siderantim. O Leão do Sul levou a melhor nos dois confrontos: 2 a 0 em 24 de maio de 1953 (com dois gols de Russo) e 2 a 1 no dia 31 de janeiro de 1954.

Obs.: Vale lembrar que, até 1960, a cidade do Rio de Janeiro era a capital do Brasil e não fazia parte do estado do Rio de Janeiro. Desse modo, na época, as equipes do interior do Rio de Janeiro disputavam o Campeonato Fluminense; e as equipes cariocas disputavam o Campeonato Carioca.

# Campanha do Barra Mansa campeão fluminense de 1953

# Jornal carioca noticiando a conquista do Barra Mansa:

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

"A união necessária", por Hyeróclio Barros - ex-presidente do Barra Mansa FC

No dia 20 de janeiro de 2018, o jornal "A Voz da Cidade" publicou um artigo escrito por Hyeróclio Virgílio de Carvalho Barros - presidente do Barra Mansa Futebol Clube no biênio 1988/1989. No texto, o jornalista e torcedor do clube faz uso de seus 86 anos de experiência para clamar por união dos desportistas, empresários, dirigentes e jornalistas da cidade a fim de reerguer o Leão do Sul. Abaixo segue o artigo na íntegra.

A união necessária

O Barra Mansa Futebol Clube tem relevância pela ligação profunda com a cidade sempre honrada em seus 109 anos. O clube e a comunidade formavam no passado uma só entidade.

A associação do barra-mansense como simpatizante e o time fez nascer à expressão Leão do Sul, identificando e qualificando o Barra Mansa. No campo, nas disputas a postura dos jogadores, a maneira de ser, a técnica, a força e a valentia com que defendia e atacava lembrando o rei da selva inspiraram a torcida. E ela, com a capacidade de divinizar assim o batizou e sacramentou.

É conhecida a crise que envolveu o clube. Sobrepõe a nós, torcedores e conhecedores de sua história, o dever de uma reflexão e o compromisso de sugerir algo que preserve o renome de um clube vinculado a saga do futebol brasileiro.

Encontraremos soluções na tradição de luta do desportista barra-mansense, na lucidez dos dirigentes, no apoio da fiel e entusiástica torcida, no poder público que há de possuir quadros com a sensibilidade política capaz de compreender que uma cidade também se engradece pela afirmação de valores culturais. Entre eles está o esporte.

Líderes empresariais se posicionando serão fator preponderante na recuperação de nosso prestígio esportivo. À mídia está reservando destaque no retorno dos tempos vitoriosos do Leão do Sul. A excelência do corpo jornalístico integrado a causa leonina ajudará na superação dos aziagos dias. 

Dirigentes que tanta contribuição já prestaram ao clube poderão repeti-la com suas experiências. As ações e presenças de jogadores que o defenderam serão valiosas nesta jornada.

A mística da camisa azul celeste representará e empolgará a força no agir que se impõe.

A reunião de vontades dos desportistas, com o aval da gloriosa histórica do Leão do Sul, é um imperativo da tradição do esporte de Barra Mansa inspirado e reunindo todos para a perenidade do clube que fala e toca os nossos corações.

Hyeróclio Barros 

domingo, 28 de janeiro de 2018

Após período no Barra Mansa, Thiago Campbell assumirá Rio São Paulo

Após anunciar fim de seu vínculo com o Barra Mansa Futebol Clube, o treinador Thiago Campbell confirmou que comandará a equipe do Rio São Paulo para a disputa da Série B2 do Campeonato Carioca.

Thiago tem uma passagem marcante pelo Barra Mansa, onde tentou a presidência do clube no final do último ano. A tabela da Série B2 ainda não foi definida, mas o técnico já começa as análises para o certame.

Thiago Campbell tem apenas 28 anos de idade e estava no Barra Mansa na última temporada. Em 2015 assumiu o time profissional e esteve no comando em sete oportunidades. No último ano, novamente dirigiu o time de maneira emergencial, estando no banco da equipe em seis jogos. Entre as duas passagens treinou a equipe sub-20, também da equipe do sul-fluminense.

Confira o anúncio feito pelo treinador:

"Gostaria de informar a todos meu acerto com a equipe profissional do EC Rio São Paulo para o comando Profissional na série B2 do Carioca 2018.
A satisfação é imensa pelo novo desafio, além de poder junto com a diretoria participar da montagem de todo planejamento para essa temporada.
Na primeira reunião com o presidente Rafael Afonso discutimos inúmeros assuntos quanto a montagem do elenco e estruturação do projeto EC Rio São Paulo 2018, onde nas próximas semanas estaremos anunciando a todos as decisões tomadas.
Agradeço a confiança depositada pelo clube no trabalho que tenho a realizar junto com meu grupo a frente do Rio São Paulo.
Aproveito para afirmar que meu grupo de trabalho me acompanhará para que juntos possamos realizar um trabalho a frente da instituição, deixando um legado que esteja ao nosso alcance e ao merecimento do EC Rio São Paulo.
Finalizo agradecendo o apoio e confiança depositada mais uma vez por todos que verdadeiramente me acompanham no dia a dia nos trabalhos realizados
Att,
Thiago Campbell".

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Em nota, Alexandre esclarece fim do seu vínculo com o Barra Mansa FC

Na última quarta-feira (24 de janeiro), o ex-diretor da base do Barra Mansa FC - Alexandre Freitas - usou as redes sociais para publicar uma nota de esclarecimento sobre o encerramento de seu vínculo com o Leão do Sul. Alexandre foi um dos responsáveis pelos bons trabalhos da base durante o ano de 2017, quando as categorias sub 13 e sub 14 conquistaram acesso à elite do futebol carioca e, ainda, a e equipe sub 17 foi semifinalista de um dos turnos do Campeonato Carioca. Abaixo segue a nota na íntegra:

"Venho esclarecer que terminou meu vínculo com o Barra Mansa FC onde estive desde de 2015 à frente das categorias de base. Agradeço a todos com quem trabalhei nestes 3 anos dentro do clube. E aos que ficam desejo boa sorte, saio hoje com prazer do dever cumprido no Barra Mansa FC. Gostaria de afirmar que não tenho interesse em dar sequência ao trabalho no clube com a atual gestão que hoje permanece, que inclusive em pleno processo eleitoral tenham me convidado a continuar e a compor com a atual diretoria executiva do clube e me aliar aos mesmos. O Barra Mansa FC é um clube que sempre vou amar e respeitar. Se no futuro eu tiver a oportunidade de voltar, podem ter certeza que eu volto desde que não estejam mais os membros desta atual diretoria.

Att
Alexandre Freitas"

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Em nota, Thiago Campbell esclarece o fim do seu vínculo com o Barra Mansa FC

Após anunciar o retorno da Associação Atlética Barbará como clube e projeto social em parceria com a Saint-Gobain Canalização, Thiago Campbell lançou mais uma nota na noite desta terça-feira (24 de janeiro) para esclarecer definitivamente o encerramento do seu vínculo com o Barra Mansa Futebol Clube. Abaixo segue a nota na íntegra:

"Venho esclarecer que meu vínculo com Barra Mansa FC está encerrado.
Venho constantemente sendo abordado por torcedores sobre como ficou a situação das eleições do clube e o meu futuro em relação ao Barra Mansa FC.
Gostaria de afirmar que não tenho interesse em dar sequência ao clube com a atual gestão que hoje permanece, que inclusive em pleno processo eleitoral tenham me convidado a desistir de pleitear a presidência e me aliar aos mesmos.
O Barra Mansa FC é um clube com quadro de associados e conselheiros, no qual o estatuto prevê medidas a serem adotados quando irregularidades acontecem dentro de uma gestão. "O estatuto é bem claro".
Uma vez que os conselheiros não buscaram caminhos para solucionar tais irregularidades, eu e meu grupo entendemos que os mesmo passam a ser coniventes com tais irregularidades.
Portanto, não me sinto obrigado em dar sequência por caminhos jurídicos a fim de nela conquistar o direito de exercer o cargo executivo.
Minha posição é bem clara em dar sequência em minha carreira dentro de um espaço saudável, onde devidamente com profissionais de confiança eu e meu grupo possamos dar sequência ao nosso plano de trabalho.
Afirmo que finalizado este processo eleitoral, darei sequência aos meus trabalhos voltados para dentro das quatro linhas, onde com extrema certeza e garantia nos próximos dias estarei compartilhando com os amigos ao projeto profissional que estarei assumindo para temporada 2018.
Reitero que os compromissos assumidos com os projetos amadores do futsal Ilha Clube, e de base do projeto AA Bárbara/Saint-Gobain serão conciliados dentro de meus compromissos sob o devido controle.
Aquele que por ventura permanece em cima do muro, sem ter posicionamento, nunca terá seu devido valor.

Att
Thiago Campbell"

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Thiago Campbell anuncia retorno da AA Barbará em parceria com a Saint-Gobain

Na noite desta segunda-feira (22 de janeiro), o treinador Thiago Campbell fez o anúncio oficial do retorno das atividades da tradicional equipe de futebol barra-mansense Associação Atlética Barbará como projeto social em parceria com a Saint-Gobain Canalização. A princípio, o projeto também teria o Barra Mansa Futebol Clube como parceiro, mas a ideia não foi possível em função de incertezas políticas vividas pela atual gestão do Leão do Sul. 

A nota de Thiago Campbell diz: "Venho informar a todos o retorno das atividades da AA Bárbara, tradicional clube da cidade com um rico histórico em seu passado dentro do futebol barra-mansense. O clube vem num momento de resgaste de sua história retornando com as atividades em parceria com o projeto social da Saint-Gobain Canalização. Inicialmente será o retorno com as categorias de base tendo o apoio da empresa. Gostaria de expressar minha enorme satisfação em fazer parte desse projeto, junto com os membros da  AA Bárbara, Pablo (presidente da AA Bárbara), Cristiano (vice-presidente) e Dani (diretora social). Aproveito para agradecer ao apoio dos amigos e torcedores que me acompanham a todo momento e frisar que o empenho para o crescimento deste projeto AA Bárbara/SaintGobaint será de grande dedicação por minha parte e equipe".

O retorno do AA Barbará reacende uma história muito importante para o futebol de Barra Mansa, uma vez que, no passado, o clube do bairro Vila Barbará foi protagonista de muitas glórias, tais como dois títulos profissionais do extinto Campeonato Estadual do Rio de Janeiro (1971 e 1972) e mais sete conquistas do campeonato municipal da LBD (Liga Barra-mansense de Desportos).
Novo escudo da AA Barbará

Por Diogo de Oliveira Paula

domingo, 21 de janeiro de 2018

Ex-lateral do Barra Mansa, Lucas Silva segue os passos de Dalbert na Europa

Lucas Silva dos Santos é mais um barramansense que fez do talento de jogar futebol o passaporte para atuar na Europa. O atleta é titular absoluto na lateral-esquerda do Acadêmicos de Viseu, de Portugal. Na atual temporada pelo campeonato português, atuou em 16 partidas e marcou um gol.

Recentemente, Lucas Silva foi destaque na imprensa portuguesa que o descreveu como sendo "uma agradável surpresa e faz lembrar Dalbert pela qualidade dos cruzamentos, técnica e velocidade que imprime no jogo."

Lucas chegou ao Barra Mansa Futebol Clube em 2011 para fazer parte da equipe sub 15 de futsal - treinada por Thiago Campbell - e ficou por lá até 2013 quando disputou a Copa Light de futebol de campo. Em seguida, seguiu por várias equipes, entre elas Volta Redonda, Vasco, Flamengo de Guarulhos e, agora, aos 20 anos, no Acadêmicos de Viseu.

Comparações com o atleta Dalbert - hoje na Internazionale de Milão - são naturais, afinal de contas ambos são laterais-esquerdos, nascidos na mesma cidade, começaram no campo atuando pelo Barra Mansa Futebol Clube e passaram pelo Acadêmicos de Videu. 

Por Diogo de Oliveira Paula

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Para participar das Séries B1 e B2, clubes terão que quitar 30% das dívidas

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) realizou nesta quarta-feira (17), em sua sede na capital do estado, a primeira reunião do Conselho Arbitral das Séries B1 e B2 do Campeonato Carioca de 2018. A pauta principal girou em torno do pagamento das dívidas referentes aos borderôs da temporada passada que determinadas equipes ainda possuem.

O parcelamento proposto pela FERJ será da seguinte forma: do valor total, é preciso pagar 30% antes da competição ter início. Com parte do débito quitado, os clubes estarão confirmados na tabela. Os 70% restantes só serão honrados após os campeonatos chegarem ao fim.

Outro tema abordado de maneira preliminar foram as competições de base. Há a possibilidade da categoria sub-17 ser subsidiada pela Federação, mas a forma como isso acontecerá ainda está sendo estudada. As disputas aconteceriam de forma regionalizada, objetivando reduzir os custos.

Sobre regulamento dos certames que envolvem profissionais, nada foi discutido neste primeiro encontro. As fórmulas de disputa da Segundona e Terceirona estarão em pauta na próxima edição do Conselho Arbitral, que ainda não tem data definida. A tendência é que aconteça após o término do Grupo X da Série A, quando serão determinados os dois times que caem para a Segundona de 2018.

Fonte: FutRio